Saiba contar sua história pessoal e incorporá-la ao seu plano de negócio.

Olá aqui o Júlio Cesar Valdez, sou gestor de tráfego da sua Plataforma O Meu Melhor Negócio.

Se você chegou até aqui, acredito fortemente que esteja procurando dicas de como potencializar suas apresentações de plano no marketing multinível.

Quando eu iniciei no marketing de relacionamento, o meu maior desafio era mostrar o plano de negócio, lembro como se fosse hoje, eu tremia igual “Toyota Rural em ponto morto”, já inicia com medo, tenso e esquecia de fazer o básico, falar a meu respeito.

Isso mesmo, nada é mais envolvente que a nossa história contada com franqueza.

Sabemos que o dono, SEO ou grandes líderes de empresas tem grandes histórias, mas a sua história é mais importante para o seu ouvinte.

O objetivo deste post é comparilhar com você um pouco sobre storytelling e como essa técnica pode ajudar você.

O que é storytelling?

Storytelling tem várias traduções, mas de uma maneira bem simples posso dizer que é a arte de contar histórias com técnica para que sua narrativa seja uma boa história. Histórias bem narrada tem capacidade de conectar mentes e corações.

Uma boa história precisa envolver seu ouvinte, prender sua atenção e permancer na memória por muito tempo e de forma sinificativa.

Como aplicar storytelling no seu negócio de multinível?

Existem vários modelos consolidados de storytelling, mas tenho um modelo bem simples e muito fácil de ser duplicado no multinível e divide-se em apenas 4 partes.

  • Quem é você?
  • Como você estava antes da oportunidade?
  • Porque você decidiu empreender?
  • Qual sua visão de futuro?

Vamos ao exemplo na prática

Inicio ….

“Sou o Júlio Cesar Valdez, casado, pai, funcionário público federal e apaixonado por tecnologia.

Antes de conhecer o multinível eu estava sempre buscando pela internet uma maneira de ganhar dinheiro , ter uma renda extra nas horas vagas, pois o que eu ganhava era o suficiente para pagar as contas (sobrebiver) , nunca sobrava dinheiro para pranejar viagens em família, trocar de carro ou contruir um patrímônio para ter uma aposentadoria digna. Por muitos momentos recorri a empréstimos para poder fechar as contas do mês.

Decidi empreender nesse seguimento pela flexibilidade e simplicidade da atividade, por não precisar de experiência e pela estrutura gratuita de aprendizado. Quando me apresentaram esse negócio pela primeira vez, visualizei um “leque” de oportunidades, inclusive a possibilidade de realizar alguns sonhos que eu achava impossível de realizar.

Hoje consigo ter uma visão clara de futuro, pois com apenas alguns dias já objetive resultados motivadores. Essa oportunidade transformou minha, mudou minhas perspectiva de futuro e quero compartilhar com você sem compromisso, apenas faça uma análise e se a proposta fizer sentido para você como fez pra mim, iremos adiante com segurança, sem riscos financeiros.”

Fim da Narrativa

A história acima é real e poderia ser contada de várias formas, mas foi estruturada em apenas 4 etapas simples, fácil de duplicar concorda?

Se esse ajudou você, compartilhe em sua equipe.